sexta-feira, 21 de setembro de 2007

Falar mal


A vida em sociedade mostra pessoas que desperdiçam boa parte do tempo falando mal, ou em outras palavras, fazendo fofocas da vida alheia.

Lembre-se que o ser humano está afastado de Deus e a cada escolha consciente ou não de evitar buscá-lo através de oração sincera e estudo cuidadoso de Sua Palavra, cai em terreno perigoso, daqueles que certamente lhe poderão ferir a alma ao falar mal de alguém, por exemplo.

Difícil afirmar o que leva à fofocar, no entanto, existem algumas prováveis motivações:

1)Chamar atenção de quem está ao redor, fazendo comentários pejorativos de colegas ou familiares;

2)Desprestigiar pessoas por hábito ou razões mais profundas, denotando falta de segurança em si próprio;

3)Destruir pessoas em sociedade.

Independente de quais motivações você e eu venhamos a nos enquadrar, guarde que todas se voltam para o eu, fortalecendo o egocentrismo humano. Ainda tenha em mente que você deve fazer ao outro o que você gostaria que ele lhe fizesse. Você se sentiria bem sabendo que alguém fala mal de você?

É preciso continuamente perceber o que você fala para não trazer problemas para os relacionamentos que mantém. A cada fala mal colocada ou interpretada, certamente virão conseqüências que atingirão uma ou mais pessoas. Se falar por falar já é abrir caminho para expor os outros e principalmente você, imagine falar mal?

A Bíblia como nosso canal de comunicação com Deus, nos revela conselhos sobre o tema. “Não faleis mal uns dos outros (Tiago 4:11). Que imperativo rico em sabedoria. Quantos desentendimentos, discussões e polidas poderiam ser evitadas se o homem ouvi-se atentamente o que Deus está gritando ao seu coração?

Por fim, aqueles que procuram vigiar sua fala, evitando denegrir a imagem de seu próximo e se esforçando para tirar o melhor dos que o cercam, nunca o seu pior, é uma pessoa madura que encontrará paz e felicidade em todos os níveis de sua vida. Isso é um processo, leva tempo, mas depende unicamente de você desejá-lo.

Se hoje você encontra dificuldades nessa questão, peça ao Deus do amor que lhe ajude, suplique de joelhos, clame, e sem dúvidas obterá respostas ao seu chamado, porque Ele lhe ama incondicionalmente e apaixonadamente desde o princípio de todas as coisas e fará o impossível para que você viva dentro de Seu infinito e bondoso coração.

Nenhum comentário:

Autoria

Consultor de negócios e apaixonado por aprender sobre relacionamentos e viver e falar de Deus a você.