segunda-feira, 15 de outubro de 2007

Despreocupe-se de tudo


Quantas e quantas vezes você foca na preocupação e um pouco mais à frente constata que todo seu esforço foi em vão? A preocupação, como já mencionada em reflexões anteriores, não tem efeito produtivo em seu dia a dia.

Quem escolhe se relacionar com Deus procurando viver em honestidade, contentamento, falando a verdade e evangelizando o seu próximo, não tem garantias de que não sentirá dores, nem de que o caminho será suave, mas certamente Deus está conduzindo você à Terra Prometida, a mansão celestial caracterizada por ser livre das lágrimas, culpa e medo que persiste neste mundo.

No entanto, ao longo da caminhada, nos preocupamos muito, pensando que determinadas atitudes são capazes de alterar eventos ou que assim estaremos no controle. Guarde que Deus é quem está no controle de nossas vidas. Se alguma coisa aparentemente ruim nos acontece, peçamos a Ele que aquiete nosso coração e vamos recordar na Bíblia: “Todas as coisas contribuem juntamente para o bem dos que amam a Ele” (Romanos 8:28), se são todas é porque é cem por cento.

É difícil acreditar que existe alguém que está no supremo controle da situação, permitindo os eventos. O que vezes deixamos de considerar é que Deus é onipresente e onisciente, conhecendo o mundo desde o princípio, olhando para dentro do seu coração humano, e, portanto o único capaz de compreender plenamente porque as coisas acontecem da maneira como acontecem.

O que se deve fazer é criar meios para se despreocupar, pois como já concluído acima, Deus é quem cuida, e, portanto, deixe as preocupações, que rouba literalmente seu tempo, em Suas mãos e o mais Ele fará por você. A vida lhe dá a oportunidade de todos os dias viver cada momento intensamente, ao lado da pessoa amada, dos filhos abençoados que Deus lhe deu, das incontáveis alegrias que o Pai lhe proporciona sem você perceber.

Agradeça a Ele tudo que você tem e peça que lhe ajude no que você mais precisa neste momento. E se esforce o máximo para se despreocupar das coisas que lhe tiram do seu centro de gravidade, porque existe um fato relevante em todo este cenário de preocupação: “o diabo, vosso adversário, anda em derredor, bramando como leão, buscando a quem possa devorar (1 Pedro 5:8) .

Não duvide, o adversário existe e está perto, fazendo de tudo para nos imobilizar com as preocupações e então não vivermos o que Deus nos dá: nosso tempo presente, único disponível onde temos poder para escolher aquilo que no ajudará a fortalecer nossa fé e consequentemente nossa salvação rumo à Terra Prometida.

Nenhum comentário:

Autoria

Consultor de negócios e apaixonado por aprender sobre relacionamentos e viver e falar de Deus a você.