quarta-feira, 25 de junho de 2008

Entrega


Você já se colocou na situação de perceber que nada mais podes fazer?

Há circunstâncias da vida que você e eu nos sentimos incapacitados, até mesmo sem competência para fazer algo por alguém. No fundo, chegamos a um estágio em que não sabemos o que fazer nem como fazer.

Qualquer tentativa sairá frustrada por mais que tente. E o grande perigo em insistir com suas próprias ações é cair no famoso desgaste emocional prejudicando aos outros e também a si. Acontece que nossa natureza má não admite tal condição, e fará de tudo para que você continue tentando, e quanto mais tentar, mais irá se machucar.

Então, você precisa de socorro que nenhum outro ser humano é possível atender. É nesse momento que se deve entregar ao Criador. Ele diz: “Confie em mim, faça o bem e o mais eu farei em sua vida”. Com tais palavras saídas dos lábios de Deus, o maior conselho é fazer o bem, que em outras palavras, é orar por você e por quem você deseja e confiar plenamente na providência divina.

Através de Sua Palavra, Ele nos conta mais: ”Agrada-te de mim, e Eu satisfarei os desejos do teu coração”. Isso nada mais é do que colocar as coisas de Deus em primeiro lugar na sua vida, e assim todas as demais Ele irá acrescentar, simplesmente porque é Deus.

E não podemos esquecer de uma valiosa promessa do Pai: “Muitas são as aflições do justo, mas de todas, o Senhor os livra”. Que mensagens calorosas para a sua e a minha alma. Há um Deus todo amor querendo agir em sua vida, mas não agirá enquanto você não entregar seus problemas e se entregar completamente em mente e coração a Ele.

Para mim, a experiência de entrega é uma das mais maravilhosas que um ser humano pode atravessar. Ela acontece quando você menos espera, e quando se materializa em sua vida, Deus age e abre o mar vermelho das suas preocupações e dores.

Peça a Ele fervorosamente, insistentemente, que você entregue tudo em Suas mãos, tudo mesmo: pensamentos, medos, ansiedades, culpas, desesperos. E guarde que a oração mobiliza os Céus e move a destra mão dAquele que é maior que tudo e todos e está lutando para ver a sua felicidade.

quarta-feira, 18 de junho de 2008

Sede


Você como eu, sente sede de muita coisa. No entanto, a sede que falo é a sede de relacionamento afetivo e saudável. Não conheço sua vida, mas é provável que você já tenha experimentado relacionamento que deu gosto viver cada momento, e agora você tem sede.

A sede não é ruim e sim uma forte indicação de que o que viveu foi bom para você. Então vem a pergunta em sua mente: Não beberei mais dessa fonte? Você não sabe, ninguém sabe, apenas Deus que gerencia sua vida conhece a resposta.

A sede implica em reconhecer no seu coração a falta que a pessoa lhe faz, a saudade que bate sem pedir licença à sua mente fazendo recordar os momentos de alegria e a essência da pessoa amada. É muito bom viver e mais quando se vive com alguém que valha realmente a pena.

Além de, a sede trazer um efeito colateral, ela dói, como chagas espalhadas por seu corpo. Como você irá gerenciar essa dor fará toda a diferença no seu estado emocional, psíquico e espiritual.

Cada pessoa desenvolve sua própria estratégia ou toma emprestada de outros para vencer ou enganar a sede que sente. Você pode preencher por um tempo essa sede com elementos que lhe dêem satisfação. Faça apenas o que você sente vontade de fazer, nada, além disso, e cuidado, para não provocar mais sede ainda.

Um ponto de vista que sugiro é entregar seu caminho a Deus, porque Ele cuida de você desde o princípio de todas as coisas. Peça a Ele para lhe ajudar a aceitar essa sede.

Deus conhece sua sede, nunca se engane, Ele a conhece profundamente. Lançar sobre as mãos do Senhor toda sua angústia e ansiedade é pra mim a melhor solução a se buscar. Existem outras, mas tenha a certeza que Deus deseja cuidar especialmente de sua sede se assim O deixar.

Quando escolhemos ir à fonte de todo poder existente, por mais que você ainda sinta sede, Deus lhe dará de beber no tempo certo.

Com sabedoria, deixe-se sentir a sede, por mais que possa estar doendo. Encontre na terapia um braço para lhe apoiar a não deixar a sede aumentar e no maravilhoso Deus, Aquele que irá sem dúvidas saciar a sua sede e te oferecer água da vida em abundância.

sexta-feira, 13 de junho de 2008

De repente, a dor


Já aconteceu com você: de repente a dor chega sem pedir permissão ou licença. Ela vem e tende a destruir seus sonhos. O que fazer nesta hora?

Se apegue a Deus com todas as suas forças. Não abra mão de cair nos braços desse Pai amoroso. Ele conhece em detalhes e perfeitamente sua dor e fará o impossível para removê-la. Através de Sua Palavra, Ele diz: “Te perdôo de todas as suas iniqüidades e curo de todas as suas enfermidades”.

Por mais que possamos tentar outros caminhos, eles não existem. Somente Deus através da ação do Espírito Santo pode interceder por seus problemas. Vá então a Ele sem cessar em oração na primeira hora do seu dia, durante o dia e ao deitar volte a orar pedindo que interceda por seus problemas, e não duvide, Ele irá atender sua súplica, não no seu tempo, mas no tempo determinado por Ele.

Quando oramos abrimos um canal poderoso para que o Rei dos Céus e da Terra opere em nossa vida e a transforme, “porque o que ninguém viu ou ouviu ou o que alguém jamais pensou que pudesse acontecer, isso foi o q Deus preparou para aqueles que o amam”.

O que espera? Vá agora mesmo conversar com Deus e abra seu coração, conte o que te incomoda, o que te assusta, e o que deseja. “Coloque o Reino de Deus em primeiro lugar na sua vida e todas as demais coisas lhe serão acrescentadas” e “agrada-te do Senhor, e Ele satisfará os desejos do teu coração”. São promessas do Criador.

No entanto, para estar mais suscetível à voz de Deus, é preciso que a mente esteja limpa. E a mente está intimamente ligada ao corpo, ou seja, cuide de sua saúde, foque numa alimentação saudável, beba água e pratique exercícios físicos. Somente assim você estará preparado para ouvir a voz dAquele que está acima de tudo e na gestão dessa Terra, incluindo a sua preciosa vida.

Nos momentos dolorosos, busque sem cessar a Deus em oração intensa e estudos para conhecer cada vez mais o Seu amoroso e perfeito caráter. Deus é amor, Deus é justiça, Deus é compassivo e não demoras nas suas respostas, tudo visando que você seja imensamente feliz ainda nessa vida.

Abra seu coração a Ele e então o Próprio abrirá as portas da esperança, da paz e da felicidade que te espera e te concederá vida em abundância, simplesmente porque Deus te ama, um amor não compreendido pela raça humana. Experimente e prove do amor maravilhoso desse único, grandioso e amoroso Deus.

sábado, 7 de junho de 2008

Essência


A essência é uma das mais importantes questões que devemos levar conosco e diariamente em nossos relacionamentos.

Você certamente gosta de alguém. Já se perguntou o que levou seu coração a ser conquistado pela pessoa que gosta? Diálogo, simpatia, inteligência, e infinitos outros atributos, considere que a esse conjunto chamamos de essência.

No começo de um relacionamento focamos a essência, pois foi ela que nos atraiu à pessoa. No entanto, com o avanço do relacionamento, tendemos a deixar de lado a essência e olhar para o que nos incomoda. Lembre-se que continuamente haverá um conjunto de elementos que não gostamos no outro.

O perigo de concentrarmos nossas forças no que nos incomoda é deixarmos de viver com alegria nosso relacionamento. Se relacionar é prestar atenção às necessidades mais profundas da outra alma, é mergulhar na intimidade de ambos através do diálogo sincero, é estar pronto a servir. Como fazer isso tudo quando nossa mente direciona os sentidos para o que nos incomoda?

A lei da física é clara: dois extremos não podem ocupar um mesmo lugar em nossa vida. Ou focamos no que nos incomoda e colhemos as conseqüências desastrosas dessa escolha, ou então direcionamos fortemente nosso olhar e coração para a essência de nosso relacionamento.

É alimentando a essência e deixando com fome o que nos incomoda, que viveremos relacionamentos mais saudáveis e felizes. A receita é simples: alimente com temperança e sabedoria a essência do seu relacionamento.

No campo espiritual passamos por uma situação próxima. Nosso relacionamento com Deus no início tende a ser o mais maravilhoso, cheio de boa vontade nossa para com as coisas divinas. Mas ao passar o tempo, tendemos a focar no que nos incomoda. Não é tarefa das mais fáceis obedecer a Deus em todas as coisas. Isso sim, aquilo não, e inconscientemente vamos escolhendo o que queremos e o que não queremos, e acabamos nos distanciando dEle.

Acontece que é impossível viver em relacionamento saudável e alegre com Deus se não nos esforçarmos para olhar a essência, que é a plena obediência e confiança no Rei dos Céus e da Terra. Somente alimentando a essência de nosso relacionamento com Deus que:

1) Todas as coisas nos serão acrescentadas;
2) Conseguiremos avançar rumo às mansões celestiais.

É um desafio e Deus conta muito com você e comigo. Foque sem cessar e sem titubear na essência de seus relacionamentos e assim viverá plenamente a felicidade e alegria de verdadeiramente se relacionar.

domingo, 1 de junho de 2008

Perdidos


Você já se sentiu como se estivesse perdido apesar de não parecer?

Podemos estar perdidos dentro de nosso trabalho, família, posição social, igreja e até dentro de nós mesmos. Estar perdido remete a um vazio interior onde as coisas que acreditamos e fazemos ou deixamos de fazer não faz sentido algum.

Queremos afirmar que estamos bem e felizes, mas a realidade é outra: estamos perdidos. A tristeza toma conta de nossos corações, a vida que parece ser colorida não passa de um imenso preto e branco.

Tudo acontece porque não encontramos o real sentido da vida. Viver vai além das coisas que nos preenchem materialmente. É mais que dinheiro, mais que uma pessoa que acorda e deita ao seu lado todos os dias, mais que status, mais, muito mais.

Estar perdido significa não encontrar uma saída para os nossos problemas, ou melhor, não enxergamos a saída, porque no prisma divino, ela existe. Enquanto não aprendermos que Deus é quem deve preencher primeiramente nossa vida, escolhendo colocá-lo sempre em primeiro lugar, iremos continuar experimentando o vazio e a sensação única, estranha e assustadora de estarmos perdidos.

A vida só faz sentido com a presença do amor. É ele que deixa a vida mais bonita, nossa alma mais alegre, nossa vontade de viver mais fortificada. Acontece que para se amar é preciso antes alguém escolher amar primeiro.

Na esfera espiritual, Deus escolheu amar você primeiro. Deu Seu único Filho para que você tivesse vida e vida eterna. Não há motivo para você não amar esse Santo e Majestoso Deus. Ele te ama apesar de tudo e fará o impossível para te ver feliz seja como você estiver agora, até mesmo perdido dentro de si.

Com amor, você se alegra novamente. Tem mais ânimo para vencer as lutas e dificuldades desta vida. Deus venceu o mundo através do amor, você também pode vencer se escolher aprender a amá-Lo como Ele te ama.

Se você não sabe como, peça a Ele, implore, suplique para que lhe ensine a amá-Lo e Ele não deixará de atender um pedido maravilhoso como esse.

O segredo para nos encontrar é o amor, e esse amor deve em primeiro lugar ser por nosso Deus, Senhor de nossas vidas. Por mais que tentemos outros caminhos, não vai adiantar, a busca será em vã.

Autoria

Consultor de negócios e apaixonado por aprender sobre relacionamentos e viver e falar de Deus a você.