sábado, 7 de junho de 2008

Essência


A essência é uma das mais importantes questões que devemos levar conosco e diariamente em nossos relacionamentos.

Você certamente gosta de alguém. Já se perguntou o que levou seu coração a ser conquistado pela pessoa que gosta? Diálogo, simpatia, inteligência, e infinitos outros atributos, considere que a esse conjunto chamamos de essência.

No começo de um relacionamento focamos a essência, pois foi ela que nos atraiu à pessoa. No entanto, com o avanço do relacionamento, tendemos a deixar de lado a essência e olhar para o que nos incomoda. Lembre-se que continuamente haverá um conjunto de elementos que não gostamos no outro.

O perigo de concentrarmos nossas forças no que nos incomoda é deixarmos de viver com alegria nosso relacionamento. Se relacionar é prestar atenção às necessidades mais profundas da outra alma, é mergulhar na intimidade de ambos através do diálogo sincero, é estar pronto a servir. Como fazer isso tudo quando nossa mente direciona os sentidos para o que nos incomoda?

A lei da física é clara: dois extremos não podem ocupar um mesmo lugar em nossa vida. Ou focamos no que nos incomoda e colhemos as conseqüências desastrosas dessa escolha, ou então direcionamos fortemente nosso olhar e coração para a essência de nosso relacionamento.

É alimentando a essência e deixando com fome o que nos incomoda, que viveremos relacionamentos mais saudáveis e felizes. A receita é simples: alimente com temperança e sabedoria a essência do seu relacionamento.

No campo espiritual passamos por uma situação próxima. Nosso relacionamento com Deus no início tende a ser o mais maravilhoso, cheio de boa vontade nossa para com as coisas divinas. Mas ao passar o tempo, tendemos a focar no que nos incomoda. Não é tarefa das mais fáceis obedecer a Deus em todas as coisas. Isso sim, aquilo não, e inconscientemente vamos escolhendo o que queremos e o que não queremos, e acabamos nos distanciando dEle.

Acontece que é impossível viver em relacionamento saudável e alegre com Deus se não nos esforçarmos para olhar a essência, que é a plena obediência e confiança no Rei dos Céus e da Terra. Somente alimentando a essência de nosso relacionamento com Deus que:

1) Todas as coisas nos serão acrescentadas;
2) Conseguiremos avançar rumo às mansões celestiais.

É um desafio e Deus conta muito com você e comigo. Foque sem cessar e sem titubear na essência de seus relacionamentos e assim viverá plenamente a felicidade e alegria de verdadeiramente se relacionar.

2 comentários:

felipe tonasso disse...

belas palavras henry!

essa palavra não sai do meu vocabulário ultimamente. to exausto de formatos em tudo, me questionando por essência.

na sua opinião
qual a essência do "ser cristão"?

abraços
e continue escrevendo!
voltarei para ler os posts anteriores!

Denise disse...

Pensa num super moço cheio de talento e escritor... o nome? LUIS HENRIQUE DEL COLL...rsrs ééé´...vc ta mexendo com a nossa cabeça, ta fazendo a gente pensar e ver a essencia de td. Continue....desde o primeiro recado é a mesma coisa: TO LENDO O SEU BLOG! CONTINUE!
Da amiga e fã De.

Autoria

Consultor de negócios e apaixonado por aprender sobre relacionamentos e viver e falar de Deus a você.