quarta-feira, 26 de novembro de 2008

Vasos Furados


Nunca sabemos quando seremos apresentados a Deus, aos Seus ensinos e a desenvolver um relacionamento com o Criador. Cada um tem o seu tempo e a sua experiência de “nice to meet you” com Ele.

Feita as “apresentações”, vamos nos maravilhando à medida que as coisas avançam na intimidade com o Grande Pai. E os resultados? Tornamos-nos um vaso transbordando de alegria e confiança nAquele que tudo pode e tudo vê.

No entanto, não percebemos que nosso vaso é furado. E, assim sendo, qual é a condição para que esse vaso sempre esteja transbordando? Permanecer embaixo da fonte, se alimentando continuamente do reino dos Céus. Não existe outro caminho para quem escolhe um vaso que venha transbordar de paz, alegria, amor, paciência, bondade, autocontrole.

O ser humano quando se aproxima de Deus por razões diversas, se dá conta de que sua vida se transforma e passa a andar com Ele. Conforme a vida passa, as coisas melhoram então um distanciamento entre o homem e Deus inicia, até que de repente perdemos a vontade de orar e então estamos em terreno muito perigoso, porque sem oração nada Deus pode fazer por nós. Isso acontece porque seu vaso saiu de baixo da fonte de Poder e como é um vaso furado, ele permanece vazio.

Interessante refletirmos por que nosso vaso é furado. Uma possível explicação é Deus nos fazer lembrar que devemos ser dependentes dEle se quisermos receber os benefícios de um vaso transbordante. Você e eu dependemos de estar de baixo da fonte para receber as bênçãos de Deus e poder desfrutar dos frutos do Espírito Santo.

O apóstolo Paulo deixa uma mensagem cristalina afirmando que devemos pedir ao Pai que nos encha continuamente com o Espírito Santo. Percebe? É uma ação contínua, que não pode cessar, pois quando cessada, voltamos à condição de antes, e como é triste lembrar dos momentos ausentes da presença do majestoso Rei em nossas vidas.

Preste atenção no que tem feito para permanecer ou então se afastar da fonte de poder. Faça hoje uma análise do quanto seu vaso está transbordando, e tome ações urgentes para se colocar novamente debaixo da fonte de Poder, se assim for necessário. Vá ao Pai, clame a Ele sem vergonha, sentimento de culpa ou qualquer outra emoção controladora de afastamento dos Céus.

Deus fez de você um vaso furado para que sempre esteja debaixo dEle com o propósito maior de encher este vaso e fazê-lo transbordar recebendo os frutos que todo ser humano mais persegue nesse mundo caído

A minha oração é que você receba continuamente o Espírito Santo em sua mente e lhe dê forças para lutar, se esforçar ao máximo e trabalhar para que seu vaso fique sempre de baixo da fonte de Poder, pois sem isso, Aquele que habita no Santo Monte nada poderá fazer por você.

quarta-feira, 19 de novembro de 2008

Quadro da Felicidade


A felicidade como é pintada pelo mundo parece se constituir num pacote a ser comprado ou tomado emprestado. As ações praticadas sob o alvo (felicidade) são variadas e muitas vezes acabam se tornando frustrantes ao longo de uma vida.

Frases como: desejo que você seja feliz, eu quero ser feliz, eu luto pela minha felicidade, tudo isso não passa de quimera, tornando-se objeto de impossível alcance, e sabe por quê?

A felicidade não é adquirida e então experimentada continuamente durante toda nossa existência. Precisamos mudar nossa expectativa em relação ao que é ser feliz nesse mundo e aprender a pintá-la com sabedoria e não deixar que pintem por nós.

Você já deve ter conhecido pessoas felizes, tinham tudo para permanecer felizes e de repente entraram num estado de infelicidade porque mergulharam no paradoxal: estava feliz por isso fiquei infeliz. É possível?

Se não compreendermos o que é felicidade para cada um de nós, se não soubermos como pintá-la, estaremos como um burro correndo atrás da cenoura, com um detalhe, esta cenoura está presa a alguns centímetros de sua cabeça.

Eu acredito em momentos felizes, num momento de pintura que é agradável aos seus olhos e a sua mente, não numa felicidade eterna aqui neste mundo. Momentos de alegria, euforia, prazer, êxtase, enfim, um conjunto de emoções boas misturadas que duram por um tempo e depois passam. E quando passam, é preciso fazer os ajustes necessários para viver mais momentos de felicidade novamente.

É um ciclo de busca, conquista e busca retro alimentada por aquilo que você deseja no âmago da sua alma. O quanto você se conhece e se gosta irá determinar o quanto estará disposto como ser humano lutar por conquistar momentos felizes, em outras palavras, continuar pintando o quadro da felicidade.

Nesses ajustes é imprescindível o diálogo dentro dos relacionamentos. Na ausência deste instrumento tão valioso e delicado, torna-se muito difícil identificar o que precisa ser removido ou consertado para viver mais momentos de felicidade.

Deus ensinou que em momentos de felicidade devemos louvá-lo, viver em espírito de agradecimento, adoração estabelecendo bases sólidas, e quando esses momentos passarem, devemos nos inclinar a Ele buscando Sua face e confiando de olhos fechados porque Ele renovará suas forças e energia para obter mais momentos felizes.

Aqui é meu desafio para você e para mim: busque a face grandiosa de Deus em todos os seus momentos, sejam de alegria, de silêncio ou de dor. O quanto é difícil se comportar assim diante do Criador, só o seu eu é quem sabe perfeitamente.

Estar feliz dá trabalho, além de ser um trabalho dos dois lados, mas vale muito a pena, se você tiver a convicção em seu coração de que ali você consegue muitos momentos de felicidade.

Pergunte como seu coração vem pintando a felicidade. Será que é preciso buscar novas tintas, novos pincéis, quem sabe um novo ambiente para continuar seu lindo trabalho de pintura? Reflita e busque respostas dentro de você e com seu Pai lá do Alto.

quarta-feira, 12 de novembro de 2008

Necessidades no DNA


O ser humano vive de necessidades. Necessidade é tudo que precisa ser preenchido para obtermos paz e bem estar, do contrário, a perturbação chega, se aloja dentro de nós, provocando doenças entre outros males diversos.

Deus em Sua infinita sabedoria criou você e a mim para sentirmos necessidades e o ambiente, elemento para nos dar satisfação. O ambiente são as muitas variáveis que interagimos durante a nossa existência.

Hão variados nomes, tipos e cores de necessidades. No entanto, vou concentrar a reflexão em três necessidades principais que o ser humano precisa preencher para a sua própria felicidade.

Adquirir, comprar, não importa o verbo, ter para si sejam jóias, roupas, perfumes, sapatos, bolsas, maquiagem, carros, imóveis, viagens, o que for, está no manual do Fabricante sentirmos essa necessidade e ela precisa ser preenchida. Portanto, não é errado ou qualquer outra forma de punição, sentir vontade de adquirir em seu coração e poder adquirir. Faz parte do nosso ser sentir necessidade de ter para si.

Uma segunda necessidade: o ser humano foi criado para viver em companhia de outros. É pesadelo quando alguém não tem companhia para compartilhar pensamentos e emoções. Você e eu precisamos de companhia, seja amorosa, familiar ou de amizade. Mas lembre de que precisamos de boa companhia, aquela que contribui para crescermos.

Nessa necessidade o Inimigo trabalha ardilosamente para lhe dar companhias, mas aquelas que levarão sua alma ao fim. Aqui é necessário suplicar sabedoria aos Céus para escolhermos companhias que elevem nosso ser, tirem coisas boas de nós, que possamos dar e também receber nos relacionamentos.

Existe uma terceira necessidade relacionada a uma fome que a princípio não sabemos diagnosticá-la. O que sabemos é que existe, porque sentimos um vazio sepulcral dentro de nós, e que vai definhando nosso coração, corroendo de forma avassaladora nosso ser. Com o passar do tempo, ao descobrirmos o que sacia tal fome, nos perguntamos, por que não fui à busca desse alimento antes?

Deus e as coisas de Deus formam a terceira necessidade que precisa ser preenchida. Nunca sabemos quando e como o ser humano vai conquistá-la, o que afirmo é ser necessário caçar esta necessidade. Se alimentar de Deus é importantíssimo para nos preencher, porque Ele diz: “Coloque meu Reino em primeiro lugar, e todas as demais coisas lhe acrescentarei”.

No entanto, observamos que enquanto a necessidade de Deus não é diagnosticada em nossas vidas, focamos ainda mais na necessidade de adquirir coisas ou buscar companhias não importa quem e onde. Percebe, escolher Deus como necessidade a ser preenchida vai criar equilíbrio entre as outras duas necessidades e assim você estará mais perto da felicidade que é possível experimentar e vivê-la em plenitude.

Que Deus faça você perceber a necessidade de buscar a Sua gloriosa face. De estudar e conhecer o Seu amoroso caráter. Porque Deus colocou em seu DNA necessidades e elas precisam ser preenchidas, a começar por andar com Ele em todos os seus caminhos.

quarta-feira, 5 de novembro de 2008

Compromisso da intimidade


Você vive a intimidade? Complemente com suas próprias experiências de vida, lembrando que essa reflexão é para fazer você assim como eu pensar. Como dizia o filósofo: “Penso, logo existo”.

Um relacionamento para ser saudável é preciso muitos ingredientes como a Comunicação, Carinho, Consideração, Concessão e um especial chamado Compromisso. Para mim, o compromisso é resultado do nível inter-relacionado de cada C que você desenvolve com a pessoa ao seu lado.

E nisso a intimidade pode ou não nascer. Ser íntimo de alguém é mais do que acordar e deitar ao lado da mesma pessoa todos os dias, é mais do que morar embaixo do mesmo teto, é mais do que dividir contas ou mesmo espaço físico, vai além.

Ser íntimo de alguém é mergulhar no âmago da outra alma. É querer as mesmas coisas, é estar pronto a identificar suas necessidades mais profundas, é ouvir os gritos de carência e saber preencher a cada um na medida certa.

Desenvolver intimidade não é para muitos e sabe por quê? Implica doar o seu eu ao outro, revelar quem de fato você é como ser humano, estar com o coração preparado para ser descoberto em fraquezas, anseios, necessidades, estar pronto para amar.

O que vem primeiro, intimidade ou compromisso? Torna-se insustentável manter compromisso por uma pessoa se não há intimidade. Sufoca, asfixia, tira a alegria de viver. Compromisso deve ser conseqüência natural de uma intimidade crescente entre duas pessoas que querem as mesmas coisas.

No relacionamento com Deus acontece o mesmo. Não adianta nos comprometermos com Ele se não existe intimidade. Se você não se comunica com o Pai Celestial, não se importa em buscar a face maravilhosa do Rei da sua vida, de nada adianta guardar sábados, devolver dízimos, cantar em cultos de adoração, porque isso não preenche o coração de Deus se não existe profunda intimidade entre você e Ele.

O compromisso de seguir uma vida segundo os propósitos de Deus envolve antes de tudo, desenvolver intimidade com Ele. É querer a presença de Deus mais do que os benefícios que Ele pode lhe oferecer. É querer ouvir e entender a voz serena e linda dAquele que tem o amor comparado ao mar: sabemos onde começa, mas não temos idéia donde termina.

O sincero relacionamento é preservado se há intimidade viva. Porque quem pratica a intimidade, ela nunca pára de crescer, é como a sabedoria, sempre há mais e mais para ser incorporado conforme a vida vai batendo no ritmo do coração.

Portanto, pense nos relacionamentos que você tem. Não se desespere, deixe as regras de lado e coloque a intimidade como foco. Porque o compromisso nasce da mais profunda intimidade de se relacionar em palavras, atitudes e sentimentos.

Autoria

Consultor de negócios e apaixonado por aprender sobre relacionamentos e viver e falar de Deus a você.