quarta-feira, 24 de dezembro de 2008

O coração não entra de férias


Mais um ano chega ao seu fim. Enfrentamos lutas físicas, sociais, psicológicas, e se aqui estamos podemos afirmar que saímos vencedores. Vencemos porque Deus nos abençoou a cada dia, mesmo quando pensamos que não estávamos recebendo Seu apoio.

E com o término do ano chegam nossas merecidas férias. Um momento de desligar os motores, respirar com profundo alívio e descansar da correria do dia a dia. Relacpeople entra de férias, mas deixa uma mensagem: “os corações humanos nunca entram de férias”. Frase dita por uma amiga, Cristina Favalli, e compõe a reflexão de hoje.

Enquanto se respira, o coração pulsa através de suas veias e pensamentos. Seja para onde você for o coração lhe acompanha carregando um mix de sentimentos bons e ruins. Não adianta fazer viagem para esquecer, comprar novos bens, o coração não se satisfaz com grandes coisas, mas sim nos pequeninos gestos é que se pode mudar o ritmo de batida de um coração.

Portanto, mesmo você em férias, o coração pode estar sofrendo com perdas, desilusões, alimentando esperanças por alguma coisa ou alguém, não importa, o coração continua batendo num ritmo que só você e Deus podem alterá-lo para lutar por relacionamentos cheios de cumplicidade, respeito e amor.

O coração é tão importante que toda ótica e modo de agir de Deus sob o ser humano se baseiam em torno do que motiva e alimenta o coração do homem. Porque o coração revela na essência a nossa identidade e talvez por isso que ele não sai para férias.

As pessoas podem acreditar que você está bem, que sua vida anda ótima e alegre, talvez ande mesmo, mas para Deus você não tem como enganá-lo, porque Ele lê com amor o seu coração quebrantado. Você pode fugir dos olhares dos outros, mas você nunca conseguirá esconder seu coração do olhar justo e amoroso do seu único e verdadeiro Senhor da sua vida.

O seu coração é o espelho do que você é e te acompanha por toda a vida, nesta e na que está por vir. Por isso é muito importante que você cuide dele com sabedoria buscando através da conversa com Deus, as respostas para as suas perguntas e então agir com equilíbrio sempre focando em construir um coração que seja bom, perfeito e agradável a você e a Deus.

Pense no que você precisa modificar seu coração. Deixar maus hábitos, abandonar drogas, terminar relações que não estão lhe fazendo o bem que merece, quem sabe buscar conhecer mais o seu maravilhoso Deus. Não deixe isso para o próximo ano como promessas, mas aja assim que pedir a Deus e receber então dEle toda coragem, força e poder, porque Ele diz: “e tudo quanto você pedir em oração, acredite que já recebeu, e então lhe darei” e lembre-se: o coração nunca entra de férias.

Boas Festas e Feliz 2009 com a presença de relacionamentos significativos para Você!

Relacpeople retorna em fevereiro, após o Carnaval, com novas reflexões para conduzir você sempre um passo a frente diante dos obstáculos e desafios da sua vida.

Aproveite para rever reflexões que mexeram com você, outras que talvez agora estejam batendo na porta do seu coração para ler, enfim, recordar também é viver!!

quarta-feira, 17 de dezembro de 2008

Fidelidade por amor


Convido você a pensar o que é, no sentido mais profundo da expressão, ser fiel a alguém.

Observamos na sociedade cobrança por fidelidade, seja fidelidade a um chefe de trabalho, amigo, cônjuge, pais e até mesmo ao próprio Deus. As pessoas lutam para que os outros sejam fiéis a elas, mesmo que tenham que utilizar a prática mais perigosa de todas: a coerção, fazendo uso do controle e da manipulação para manter alguém fiel para si.

Percebe que a fidelidade se transformou num “status quo psicológico”. Muitas vezes você não está de fato querendo fidelidade pura. A razão principal da cobrança que você sente parece residir em mostrar ao mundo que as pessoas são fiéis a você, porque acreditam que só assim serão aceitas por uma comunidade ou grupo social.

E nesse quadro deturpador aparece um sentimento estranho chamado ciúme. Ciúme pode também ser entendido como uma sinalização de que você pode perder a fidelidade de alguém. Isso acontece porque as pessoas acreditam que os outros passam a ser propriedades delas e não possuem o direito de fazerem novas escolhas. Aprenda: ninguém é dono de ninguém, se há um dono e temos, é o nosso Deus, Ele é o único Senhor de sua vida.

A sincera fidelidade só vale a pena se for por amor. O amor sustém respeito, compromisso, cumplicidade e fidelidade. Enquanto existir amor nos relacionamentos, é a garantia de que a fidelidade está presente e, portanto, você não precisa usar mão de recursos destrutivos para manter alguém fiel a você.

Deus deseja do fundo do Seu âmago que você seja fiel a Ele nos dízimos, na guarda do Seu dia e em tudo. Mas não tem valor pra Deus, se você fizer isso por obrigação, medo, chantagem ou qualquer outra razão coercitiva, porque pra Deus a sua fidelidade só tem valor se for por amor e isso Ele reconhece pelo seu coração humano.

O mesmo se aplica nos relacionamentos. É preciso prudência e sabedoria para identificar se os seus relacionamentos são alimentados por amor ou por outros motivos. Porque se não for amor, fica impossível dar e receber fidelidade uma vez que esta permanece sob areias, vem um vento e a leva, e como aqueles que exigem fidelidade sabem disso farão uso de comportamentos manipuladores para manter o outro fiel, um quadro não planejado pelo Criador.

Deus é fiel a você porque Ele te ama apaixonadamente. Davi disse: “O seu amor por nós é forte, e a sua fidelidade dura para sempre” (Salmos 117;2). Que esse seja o seu desejo: fidelidade por amor. Só por amor vale muito a pena ser fiel e permanecer fiel, o mais, peça ao Seu Senhor que você se livre porque é ir na contramão do sonho de Deus para você.

quarta-feira, 10 de dezembro de 2008

Sem paciência


A paciência é uma qualidade apontada na Bíblia como um dos frutos do Espírito Santo para a sua vida, por que será?

Você e eu somos imediatistas. Queremos as coisas e pessoas para ontem e como não temos, caímos no ciclo nebuloso da ansiedade. E quando essa entra em cena são tão previsíveis as conseqüências que nos acompanham.

A paciência é um comportamento de ação que parte de você com reações decorrentes da ação. O princípio da ação e reação é mantido: a toda ação corresponde uma reação, mude a ação e então mudará as reações.

Sem paciência ou com pouca, iremos falar aquilo que angustiará profundamente nossa alma, porque Salomão dizia: “do que guarda a sua boca e a sua língua guarda das angústias a sua alma”. Ainda sem paciência agiremos no impulso e no desespero, tudo que o Grande adversário mais espera de nós.

Sem paciência nossa visão fica turva como um copo de água suja não enxergando os fatos, mas ficando com as percepções que muitas vezes são enganosas aos nossos olhos. Além das grandes reações químicas que ocorrem de modo invisível dentro do nosso organismo e podendo trazer doenças momentâneas assim como as patológicas também.

Sem paciência ficamos nas mãos dos outros. Somos fortemente manipulados pelas interações com o ambiente ao nosso de redor. E sem paciência agimos de modo coercitivo com as pessoas. Entenda aqui coerção como punição ou ameaça de punir alguém por um comportamento que você não espera no outro. Sem paciência perdemos as pessoas, mais cedo ou mais tarde, incluindo a nós mesmos.

Muitas vezes buscamos nos livros de auto-ajuda o grande socorro e não nos damos conta de que a Bíblia é o maior socorro que você e eu podemos experimentar e nos agarrar com tamanha força e confiança. Apenas um conselho bíblico sobre a paciência, se trabalhado, criado planos para buscar paciência, pode fazer da sua vida uma belíssima canção.

Está difícil ser paciente diante do que você vem enfrentando hoje? Corra pra pedir ajuda, seja para um amigo, familiar, terapeuta e até mesmo ao próprio Deus que lhe criou. Não abra mão de entrar num estado de paciência. Fará uma diferença significativa em você e nos seus relacionamentos.

Que o Deus de paciência ensina você a ser paciente para esperar as pessoas e coisas que estão muito próximas de você. Se jogue de joelhos ao trono do Senhor, peça sem cessar para que Ele lhe aquiete e lhe faça esperar nEle vivendo com a certeza de que tudo pode melhorar se você experimentar diariamente a paciência.

Verso para memorizar: Tiago 5:7-8 “Portanto, sejam pacientes até a vinda do Senhor. Eis que o lavrador espera o precioso fruto da terra, aguardando-o com paciência, até que receba as primeiras e as últimas chuvas. Sejam vocês também pacientes; fortalecendo suas mentes, porque a vinda do Senhor está próxima.”

quarta-feira, 3 de dezembro de 2008

Por que oramos?


Convido você a pensar na importância da oração fazer parte de seus hábitos diários, assim como o comer e beber. Por que orar se Deus sabe de tudo e pode tudo?

No princípio Deus criou o mundo, nisso incluindo a Terra e os seres humanos. E ao ser humano Ele transferiu autoridade para governar. Deus passou a gestão da Terra e de todos os seres viventes para as mãos de um homem e uma mulher. Que confiança esse Deus teve em nós.

Mas para a tristeza do nosso Senhor, o homem como raça não respeitou as regras que o Criador havia estabelecido para uma eficiente gestão, e cedeu aos enganos do Inimigo, o Grande adversário de Deus. Quando o homem escolheu ouvir o Inimigo, algo terrível aconteceu.

Separamos-nos do relacionamento que tínhamos com Deus e que nos mantinha protegidos e amparados o tempo todo. Não somente isso, mas transferimos a gestão da Terra para as mãos de um ser extremamente astuto, inteligente e que só tem um único objetivo: destruir as coisas criadas por Deus, incluindo você e a mim. Que cenário de profunda frustração e perda irreparável.

É importante saber que a Terra está no comando do Grande adversário de Deus e assim se explica porque há tantas coisas horrendas se passando ao nosso redor. Então você pode pensar: Estamos perdidos? Deus em sua infinita sabedoria deu uma solução que muitas vezes ignoramos e como ignoramos.

Através de homens e mulheres Deus pode fazer aquilo que é da Sua vontade. Se pedirmos para Ele o que for, e se este pedido estiver em harmonia com o que Deus deseja pra você, Ele pode interferir na gestão do Inimigo. Somente através da oração Deus opera em nossas vidas. Esse é o maior segredo que é preciso revelar ao mundo começando por você, sua família e amigos. Deus quer fazer maravilhas em sua vida, mas você precisa pedir a Ele e aprender a pedir com sabedoria.

Para validar o que está sendo afirmado vá ao último capítulo de Tiago e nos últimos versos, ali você verá que Deus só atua quando o ser humano pede do contrário Ele permanece de mãos atadas sem poder fazer muito, simplesmente porque esse governo está nas mãos de outro.

Portanto, concluímos que o Inimigo fará de tudo para que tenhamos uma vida sem oração, sem relacionamento e intimidade com nosso Pai que nos Céus habita e que deseja infinitamente habitar em nós.

O conselho para você é um só: ore, converse, abra seu coração a Deus, e tenha a certeza que Ele ouve suas súplicas e atenderá naquilo que for melhor para a sua vida aqui e além do rio.

Autoria

Consultor de negócios e apaixonado por aprender sobre relacionamentos e viver e falar de Deus a você.