quarta-feira, 27 de maio de 2009

Arte e Ciência de vida


Você sabe viver? Aqueles que sabiamente respondam a essa pergunta trabalham com arte e ciência ao mesmo tempo.

Arte porque viver requer criatividade para fazer acontecer e sensibilidade para sentir a respiração da vida. Por outro lado, ciência porque é necessário adquirir um conjunto de habilidades para tornar a vida uma linda obra de arte.

É a harmonia entre arte e ciência e na medida certa que conduz você à realização da sua existência. Será que é difícil conseguir conciliar arte e ciência para fazer da sua vida uma belíssima canção?

Como todo discípulo, sempre há por trás um mestre que pode orientar seus passos na concretização desse propósito maior. Falo do Mestre dos mestres, o amoroso Jesus. E por que Ele? Pela razão dEle conhecer arte e ciência da vida como ninguém jamais conheceu. Alguém que é plenamente humano como você e eu, e alguém que é plenamente Deus.

O segredo para saber viver está cristalino em Hebreus 4:1 “... considere atentamente o apóstolo e Sumo sacerdote de nossas confissões, Jesus” O que isso significa? Entender de modo profundo e intenso quem é Jesus, para que então você possa se relacionar com Ele da maneira mais natural e verdadeira possível. E desse relacionamento você se tornará um grande artista, maior que Da Vinci.

Portanto, através do relacionamento pleno entre você e Deus, se aprimora o(a) artista que há dentro de você. E ciência? Como se desenvolve? Ciência depende de você por si só. Entenda que ciência é se capacitar através de técnicas, conselhos, de como conduzir uma vida do estado da arte.

Exemplo: É ciência de vida saber que a coerção destrói relacionamentos. As cicatrizes ficam tão marcantes que serão levadas consigo para quem as pratica, é como bater um prego numa madeira. Por mais que você retire o prego, a marca fica não se restaura. Também é ciência evitar a palavra dura ao outro quando se está irado, porque se dá chances para que o Rebelde aja através de você. E muitas outras técnicas fazem-se necessário conhecer e praticar para se viver relacionamentos saudáveis.

Mas a ciência pouco pode fazer se não existir arte. E a arte nasce do seu contato diário com o Verbo que se fez carne (João 1:14) Não tem segredo, é simples assim. A conciliação correta de arte e ciência leva você há uma conseqüência: fazer o que se ama com as pessoas que se ama.

A humanidade perdeu a imagem de Deus no Éden. No entanto, por amor maior que todos os amores do mundo, Deus enviou Seu filho a este mundo para que todos os que nEle acreditam restaurem a imagem e possam assim viver na companhia do Pai novamente.

Guarde para reflexão: “Portanto, assim como por um só homem entrou o pecado no mundo,... muito mais os que recebem a abundância da graça e o dom da justiça reinarão em vida por meio de um só, a saber, Jesus Cristo....” (Rom. 5:12-14, 17, 19).

Nenhum comentário:

Autoria

Consultor de negócios e apaixonado por aprender sobre relacionamentos e viver e falar de Deus a você.